Gestão de Condomínio

Os nosso produtos de Gestão de Condomínio disponibilizam soluções específicas, necessárias à satisfação das necessidades legais de administração da propriedade horizontal e auxílio ao processo de decisão dos proprietários, para um desenvolvimento sustentável. A Gestão de Condomínios está disponível em três planos:

Plano Base:

Contrato simples de apoio à gestão e administração de condomínios.

Plano + 25:

Plano com condições contratuais específicas para prédios com 25 ou mais frações autónomas, com um custo fixo associado ao serviço de visitas ao edifício e uma componente variável de acordo com número de frações, em que se assegura o serviço de gestão de condomínio a um custo mensal inferior a €4,50 por fração, a que se acresce o IVA à taxa em vigor.

Plano Partilhado:

Plano com condições contratuais mais vantajosas, convencionado para instituições, seus clientes ou beneficiários e, ou contratos de gestão que agreguem vários edifícios.

Os Planos asseguram as actividades:

  • Compilar os documentos necessários à notificação dos condóminos para a realização da assembleia de condóminos, bem como o processamento necessário à preparação da correspondência;
  • Apoio administrativo da gestão das cobranças das receitas aos condóminos e dos pagamentos das despesas comuns;
  • Elaborar o orçamento das receitas e despesas relativas a cada ano;
  • Elaborar o relatório técnico de monitorização anual dos requisitos estatutários e regulamentares;
  • Coordenar a execução dos contratos existentes;
  • Apoio técnico e administrativo à execução dos trabalhos da Assembleia Geral Ordinária de Condóminos, compilação da ata e no esclarecimento de dúvidas técnicas relativas aos documentos fornecidos pela Ecodominos ou que venham a ser solicitadas pelos condóminos, em sede da assembleia, sobre os nossos produtos;
  • Esclarecimentos de dúvidas intrínsecas á conduta ou serviços da Ecodominos levantadas por parte dos interessados com legitimidade;
  • Conversão dos documentos físicos respeitantes ao condomínio para suportes digitais e assegurar o arquivo digital, acessível aos condóminos;
  • Assegurar a publicação das regras respeitantes à segurança do edifício ou conjunto de edifícios quer por meio de editais como pela disponibilização de cópias digitalizadas destes;
  • Visitas regulares ao edifício, duas vezes por mês;
  • Facultar cópias digitais do Regulamento e das atas a terceiros titulares de direitos relativos às frações, para sua consulta.

Os planos não incluem os serviço de distribuição de correspondência, reprodução de documento, arquivo de documentos físico e ou outros serviços mediados, como o serviços de apoio jurídico ao contencioso.

Os planos assegura a transparência no processo de decisão, funcionando como plataforma de apoio ao Administração, ou de gestão do Condomínio, que articula as entradas e saídas do processo de gestão da propriedade horizontal, requeridas por lei, como convocar a Assembleia de Condóminos, elaborar o orçamento das receitas e despesas relativas a cada ano, cobrar as receitas e efetuar o pagamento das despesas comuns, prestar contas à assembleia, guardar e manter todos os documentos que digam respeito ao condomínio, assegurar a publicação das regras respeitantes à segurança do edifício ou conjunto de edifícios, designadamente à dos equipamentos de uso comum (artigo 8.º do Decreto-Lei n.º268/94), facultar cópias do regulamento aos terceiros titulares de direitos relativos às frações (artigo 9.º do Decreto-Lei n.º268/94) e facultar a consulta das atas (artigo 1.º, n.º3, do Decreto-Lei n.º268/94).

Anúncios